Coimbra, Leiria e Vila Real juntam-se a Porto e Lisboa na digressão portuguesa de Tim Bernardes

Coimbra, Leiria e Vila Real juntam-se a Porto e Lisboa na digressão portuguesa de Tim Bernardes

Tim Bernardes anunciou mais três concertos da digressão que o traz a Portugal no início do próximo ano

O músico brasileiro atua no Convento São Francisco, em Coimbra, a 20 de janeiro, seguindo para o Teatro Municipal de Vila Real, dia 27, e para o Teatro José Lúcio da Silva, em Leiria, dia 28.

O cantor e compositor começou por divulgar a estreia no Coliseu Porto Ageas a 31 de janeiro e o regresso ao Coliseu dos Recreios, em Lisboa, a 1 de fevereiro. A elevada procura levou à abertura de sessão extra na sala lisboeta marcada para 2 de fevereiro.

De acordo com Tim Bernardes, estes vão ser os últimos concertos de apresentação do álbum Mil Coisas Invisíveis em Portugal. Indicado ao Grammy Latino de Melhor Álbum de MPB, o disco recebeu aclamação mundial, tendo sido descrito como uma “coleção delicada e bem elaborada que realça a sua dinâmica voz e o seu ouvido para a melodia e produção” na conceituada publicação Pitchfork.

Mil Coisas Invisíveis marcou o regresso de Tim Bernardes aos discos a solo e conta com os sucessos Nascer, Viver, Morrer, BB (Garupa de Moto Amarela) e A Balada de Tim Bernardes. No regresso a Portugal, o cantor e compositor passará pelo seu repertório a solo, que inclui igualmente o muito bem recebido álbum Recomeçar (2017), mas também por canções que escreveu para outros artistas, para além de temas da sua banda O Terno.