Orquestra Bamba Social leva Carnaval com Roda de Samba à Super Bock Arena

Orquestra Bamba Social leva Carnaval com Roda de Samba à Super Bock Arena

Este Carnaval, a Orquestra Bamba Social regressa à Super Bock Arena, no Porto, para fazer a festa com a sua formação em Roda de Samba. A ocasião está marcada para sábado, dia 10 de fevereiro.

O elenco de 14 músicos vai levar o baile para o centro da arena, numa atuação em 360º no meio do público. Para além de convidarem os presentes a dançarem, as máscaras adequadas à época são bem vindas e recomendadas.

A Orquestra Bamba Social é um coletivo luso-brasileiro sediado no Porto, unido pelo amor ao samba. Ao longo de uma década criaram uma entidade própria, onde a alegria e festividade são uma constante.

Editaram o primeiro EP em 2016, produzido no Rio de Janeiro pelo consagrado Alceu Maia, músico e produtor que acompanhou vários ícones do samba, como Martinho da Vila, Chico Buarque, entre outras referências do género musical. Em 2020, ano em que rebentou a pandemia, o grupo editou dois registos discográficos.

O primeiro dos quais, Na Fé, é álbum composto integralmente por temas autorais e conta com a participação de Marcelo D2, Teresa Cristina, Tiago Nacarato e André Indiana. Já o EP Samba de Bolso apresenta uma belíssima viagem ao quotidiano do samba, em conjunto com Tiago Nacarato, e que contou com uma digressão esgotada em menos de 48 horas.

Em 2022 editaram Mundo Novo, álbum gravado entre Porto, Rio de Janeiro e Países Baixos, envolvendo mais de 30 músicos. O disco explora outras sonoridades e amplia horizontes dentro do universo lusófono, contando também com as participações de Moyseis Marques, Teresa Cristina, Moacyr Luz, Nha Kapa, Tiago Nacarato, Edu Mundo e Felipe Vargas.

Esgotaram já várias vezes a Sala Suggia da Casa da Música no Porto e deram concertos memoráveis para milhares de pessoas na Noite Branca de Braga e na Avenida dos Aliados, onde contaram com a companhia de Marcelo D2. Estrearam ainda a roda de samba no MEO Marés Vivas 2022, convidados por Vasco Palmeirim e pela Rádio Comercial para compor o hino da 14ª edição do festival.

No Baile de Carnaval marcado para a Super Bock Arena, a Orquestra Banda Social vai revisitar alguns clássicos do samba, dando-lhes uma nova roupagem e acrescentando sonoridades de outros estilos como jazz, funk e hip-hop.

A festa continua noite adentro com convidados e surpresas a anunciar. Reitera-se o convite aos presentes para trazerem máscaras e fantasias e também muita boa disposição.