O concerto mais intimista dos GNR

Não há quem fique indiferente a Rui Reininho, Jorge Romão e Toli César Machado; o trio maravilha que há mais de 4 décadas enche salas e estádios de futebol, de fãs de todas as idades.

O primeiro Festival de 2021 teve início em Vila do Conde, onde os GNR relembraram grandes e pitorescas histórias da juventude. Entre uma música e outra, uma palavra e a normal interação com quem quis desconfinar ao som do Bom Velho Pop Rock, Reininho e a sua “tropa” criaram um fácil ambiente de cumplicidade.

Lembraram-nos velhas glórias, ouviram-se alguns temas mais recentes, … o certo é que foi difícil manter o público sentado. GNR traz sempre um misto de saudade e de energia que contagia filhos, pais e avós!

Uma sala cheia (para os números autorizados pela DGS – Direção Geral de Saúde) num concerto mais intimista onde (segundo o líder da banda) “serão tocadas mais de 185 temas”. Tivesse havido tempo para fazer a vontade a quem, por duas vezes, pediu encore.

Alinhamento:

  • Mais Vale Nunca
  • Asas
  • Sub-16
  • Popless
  • Dançar Sós
  • Pronúncia do Norte
  • Nova Gente
  • Inferno
  • Bellevue
  • Morte ao Sol
  • Las Vagas
  • Efetivamente

  • Dunas
  • Cais
  • Sangue Oculto 

Galeria completa também no

GOSTOU? PARTILHE...

Share on facebook
Partilhe no Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Partilhe no Linkdin
Share on pinterest
Partilhe no Pinterest

deixe um comentrário